Culto ao-vivo
WebRádio
Pedidos de oração

Vida Cristã - Por esta causa me coloco de joelhos

Palavra Apostólica

Efésios 3.14-16

Éfeso era um grande centro comercial da Ásia Menor (atual Turquia).

Nesta época o apóstolo Paulo, estava preso em Roma. Muitos alegavam que o apóstolo era um criminoso, e merecia ser preso.

O apóstolo informa aos irmãos que ele não está sofrendo por sua própria causa, mas por causa dos cristãos. Por causa da pregação do evangelho de Cristo, pela obra do Senhor, mas ele afirma que o seu sofrer não deveria ser motivo para entristecer os cristãos, mas motivo para gloriar-se.

Mesmo estando preso, escrevia cartas que inspiravam ânimo e sempre orava em favor dos cristãos. Mesmo preso, humilhado e caluniado, ele encontrava meios para servir a igreja de Cristo Jesus.

Foi no meio a tanta perseguição que Paulo disse em sua oração: "Por esta causa, me ponho de joelhos diante do Pai, de quem toma o nome toda família, tanto no céu como sobre a terra."O ser humano não tem facilidade para se curvar diante do Criador e diante de seu semelhante.Ele é naturalmente resistente a qualquer curvatura. Uma das acusações feitas por Deus a Israel era a de que...

“Porque eu sabia que eras duro, os tendões de seu pescoço eram de ferro, a sua testa era de bronze” (Is 48.4).

Essa criatura encurvável não se dobra, não se ajoelha, não coloca o rosto no mesmo lugar onde estão os seus pés. Ela é dura, teimosa, orgulhosa e birrenta.O ser humano precisa descobrir a beleza dos joelhos.

Eles substituem os pés na prática da oração. Quando dobrados, os joelhos diminuem a altura do que ora e aumenta a altura daquele a quem se ora. É uma reverência aceita por Deus que pode facilitar a oração e a comunhão com ele, desde que o espírito também esteja dobrado.

Pessoas extremamente necessitadas aproximavam-se de Jesus e punham-se de joelhos diante dele para suplicar a graça desejada.

Precisamos voltar aos joelhos. Na Epístola escrita aos efésios, o mesmo Paulo revela: “Por essa razão, ajoelho-me diante do Pai” e oro para que “ele os fortaleça com poder, por meio do seu Espírito” (Ef 3.14-16).

Agora Paulo conclui a oração. Ele pede a Deus que dê aos cristãos compreensão do amor de Cristo e que este amor os torne abundantes no louvor e gratidão a Deus.

Assim ele pede união com Cristo e amor ao Deus de todo poder. Nos apresentando um excelente modelo de oração, com Invocação: "Por esse motivo" O motivo dessa oração: " Deus me revelou o seu plano secreto," isto é: a salvação por Cristo Jesus. "Eu me ajoelho diante do Pai!" era costume entre os judeus ficar de pé quando oravam. Paulo ora ajoelhado, isto expressa uma reverência, ou, uma urgência na invocação.

Os joelhos foram feitos também para se dobrarem diante do Todo-poderoso.

Na medida que descobrimos que temos muito para tratar dentro de nós, teremos mais vontade para irmos a Deus em oração, pois na nossa própria força não seremos capazes de lidar com as marcas do pecado em nossas vidas

Como cristãos, precisamos também das asas espirituais que nos levaram a voar acima das tempestades, para irmos pregar o Evangelho e para subirmos até a Deus em oração.

Esperar no Senhor é confiar nossa vida plenamente às suas mãos. Significa depender d’Ele como nossa fonte de ajuda e de graça, em tempo de necessidade.

Deus é onipotente, pode todas as coisas, então em oração apresente em confiança plena a sua petição.

Nós podemos ver um exemplo ainda mais claro sobre orar de joelhos, podemos ver que o se prostrar diante do pai vem desde o velho testamento na passagem onde Elias se coloca de joelhos...1 Reis 18.42.

“Quanto a Elias, subiu ao cume do Carmelo e começou a agachar-se no chão e a manter a face entre os joelhos.” Enquanto Acabe foi encher o estômago, Elias teve a oportunidade de orar ao seu Pai celestial. Note a postura humilde mencionada aqui — Elias, no chão, com a cabeça tão abaixada que seu rosto chegava perto dos joelhos. O que ele estava pedindo? Não precisamos  adivinhar. Em Tiago 5:18, a Bíblia diz que Elias orou pelo fim da seca. Provavelmente, ele fez essa oração no cume do monte Carmelo.

Na última vez que Elias orou, apareceu uma nuvem pequenininha, do tamanho da mão de um homem. Como será que era essa nuvem? Levantem suas mãos e olhem para elas. A nuvem era um pouco maior que uma mão de criança, era do tamanho da mão de um homem.

Daquela pequena nuvem, caiu uma grande chuva! Talvez vocês achem que suas orações sejam pequenas, mas suas orações têm poder.

Através delas, Deus pode fazer coisas muito grandes. Pensem em algo muito grande! Deus pode fazer isso. Sabe por quê?

Porque tudo o que você colocar diante do pai de joelhos, se houver sinceridade Deus vai te abençoar. Porque qual causa você está aqui hoje??? Elias se colocou de joelhos diante do pai, para que a seca acabasse, e você???

Deus enviou uma nuvem do tamanho da mão de um homem, e aquele foi o sinal que a chuva ia descer, que a chuva ia cair...

Compartilhe esta página
Comente esta notícia!
Notícias anteriores
Jeová Jiré Culto Especial de Natal Vigília da Virada Declarando a Multiplicação de Deus Lançando a Boa Semente Vivendo os milagres de Cristo Dia de Comunhão Batismo Louvoração II Firmando a Fé em Jesus

Anterior
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8
Próximo
Mostrando 1 de 8 páginas
Encontrados: 80

Sede Mundial: Rua Belo Horizonte, 529, centro, cambé, Brasil (Google maps)
moriachurch@gmail.com
Tel: (43) 3251-9590
Mídias Sociais



Traduza o idioma